2017© PRO COLETIVO

Please reload

Posts Recentes

Por que é chique andar de metrô lá fora e aqui não?

October 18, 2019

1/10
Please reload

Posts Em Destaque

Novas regras para transporte por aplicativo começaram hoje

29/1/2018

A partir de hoje os serviços de aplicativos Uber, Cabify, Lady Driver, Easy Taxi e 99 terão de cumprir a nova regulamentação estabelecida pela Prefeitura de São Paulo e serão fiscalizados por 94 fiscais.

 

Os motoristas deverão usar traje social – esporte fino ou camisa polo, no caso de homens. Na prática isso impede o uso, por exemplo, de camisas de time de futebol ou propaganda política.

 

Também será necessário um curso de formação de 16 horas/aula ministrado pelas próprias empresas de aplicativo credenciadas no Detran. Esses cursos terão aulas básicas sobre gentileza, primeiros socorros e mecânica, entre outros temas.

 

Pode parecer muito, mas um taxista em Londres demora cerca de quatro anos se preparando para poder dirigir um FX4 preto com a placa de “taxi” no teto.

 

Os carros também deverão ter comprovação de seguro que cubra acidentes de passageiros, seguro obrigatório, inspeção anual e deverão apresentar adesivo do(s) aplicativo(s) que representam, além do Csvapp (Certificado de Segurança do Veículo de Aplicativo), emitido pela Prefeitura.

 

Será exigido que os carros sejam licenciados em São Paulo. Carros de outras cidades só poderão trazer passageiros para a capital, mas não iniciar corridas no município. Ou seja, na prática só trabalha em São Paulo quem paga imposto no município.

 

Os carros devem ter tempo de fabricação máximo de até oito anos para quem prestava o serviço antes de julho de 2017. Para os que começaram a trabalhar após esta data, o limite de idade dos veículos é de cinco anos.

 

Na disputa entre aplicativos e táxis é importante ressaltar que a regulamentação de ambos, com regras claras e fiscalização justa, é fundamental para as boas práticas de concorrência e segurança dos passageiros.

 

O bem-estar coletivo em São Paulo depende do respeito ao cidadão e da boa convivência entre todos.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Please reload

Arquivo