• Pro Coletivo

Todos somos pedestres


Travessia de pedestres em Tóquio

Este é o tema da Semana da Mobilidade, que em São Paulo vai até o dia 25 de setembro, terça-feira, com atividades lúdicas, educativas e culturais. Neste ano, a Semana chama a atenção das pessoas a respeito da proteção ao pedestre, a parte mais vulnerável nas ruas.

Criada em 2002 pela União Europeia, a Semana de Mobilidade se espalhou pelo mundo, sensibilizando as pessoas para o uso de meios de transporte sustentáveis para atingir metas ambientais em relação à poluição. Em todo o planeta, ela sempre acontece entre os dias 16 e 22 de setembro com atividades e ações diversas. No Brasil, o evento chegou em 2001 e vem juntando iniciativas que promovem o uso dos modais ativos (bicicleta e pedestrianismo) e do transporte público.

Vale lembrar que um dos marcos da Semana da Mobilidade é o Dia Mundial Sem Carro, comemorado no dia 22 de setembro. O movimento nasceu em 1997, na França, e hoje é celebrado em mais de duas mil cidades de 42 países.

Além de marcar uma data simbólica, a Semana da Mobilidade acende um farol sobre os nossos hábitos de locomoção. Afinal, estamos movendo carros ou pessoas? Como mudar esse cenário de i-mobilidade das grandes cidades brasileiras, marcadas por congestionamentos monstruosos, stress, acidentes e poluição? Cada vez mais o tema ganha destaque, uma vez que está relacionado com questões cruciais como a saúde física e mental, a segurança, o meio ambiente e a qualidade de vida. Em vários países a mobilidade é parte importante das políticas públicas, já que afeta diretamente o bem-estar da população.

A responsabilidade no trânsito Em diversas cidades brasileiras, a Semana da Mobilidade é lembrada com atividades, espetáculos e campanhas educativas. Na capital paulista, a programação da semana vai até o dia 25 de setembro e pretende conscientizar o cidadão sobre a responsabilidade no trânsito. Para João Octaviano Machado Neto, Secretário Municipal de Mobilidade e Transportes de São Paulo, a melhor mobilidade é a que tem foco nas pessoas, que preserva vidas. “O objetivo desta Semana é justamente conscientizar a população de que nenhuma morte no trânsito é aceitável, por isso o tema ‘Todos Somos Pedestres’. Queremos uma mobilidade mais respeitosa e contemporânea em São Paulo”, afirmou o secretário.

Realmente, unir a sociedade pela preservação da vida é essencial, tornando as ruas um lugar de harmonia, responsabilidade, compartilhamento e respeito, e não um espaço de egoísmo e violência, onde todos podem se tornar vítimas.

http://semanadamobilidade.prefeitura.sp.gov.br/

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Categorias

Facebook

Quer bater um papo e descobrir como participar?

Instagram

2020© PRO COLETIVO