• Chantal Brissac

A mobilidade pede passagem


Hoje começa na avenida Paulista, no Shopping Cidade São Paulo, a exposição “Passagens: Espaços de transição da cidade do século XXI”, mostra internacional itinerante que já passou por cidades como Paris, Barcelona, Buenos Aires, Pequim e Xangai.


Realizada pelo Instituto Cidade em Movimento (IVM), a mostra convida as pessoas a refletir sobre a ocupação das ruas na fase pós-pandemia e sobre os desafios de mobilidade nas metrópoles, que impactam diretamente na qualidade de vida da população. O tema “Passagens” traz um olhar mais crítico para os equipamentos e componentes urbanos de conexão, como passarelas, escadarias (como a do bairro Sumaré, acima, na capital paulista) e cruzamentos, idealizados para facilitar a vida das pessoas em seus deslocamentos, mas que nem sempre funcionam dessa forma em várias cidades do mundo, inclusive no Brasil.


Interativa e gratuita, a exposição envolve quatro áreas:

As 1001 barreiras

Para mostrar os inúmeros obstáculos nas cidades, uma instalação audiovisual cria cenas envolvendo a movimentação de pedestres, pais e mães com carrinhos de bebê, ciclistas, corredores e outros “atores” da frenética malha urbana.

Parque High Line, em ferrovia desativada de Nova York - imagem da exposição


Além da infraestrutura, a passagem

Nesse espaço é contada a evolução histórica das passagens por meio de uma linha do tempo de 12 metros, com nuvens de imagens repletas de soluções inovadoras ao redor do mundo, como o High Line, parque suspenso em Nova York, feito em uma linha de trem desativada. Uma instalação interativa traz a oportunidade de experimentar a mobilidade em vários contextos urbanos, a partir de túneis, escadarias, passarelas, cruzamentos, vielas e pontes.



Beco do Batman - foto de João Benz


Projetos de passagem

Aqui se encontra um conjunto de pesquisa e ações desenvolvidas pelo IVM, associação criada na França em 2000 para falar da cultura da mobilidade urbana. Há um manifesto sobre as passagens e o convite para que os visitantes registrem em uma lousa suas visões e impressões.

Praça em Perdizes - foto de João Benz


Fórum

São disponibilizados documentários e apresentações, incluindo a pesquisa de campo do IVM Brasil realizado no Jardim Ângela, bairro paulistano, e cinco curtas-metragens sobre passagens na África.


A mostra, que abre hoje e fica até o dia 31 de julho, é bilíngue (português e inglês) e pode ser visitada diariamente das 12h às 20h, com controle do público na entrada e todos os protocolos sanitários.


Serviço

Exposição “Passagens: Espaços de transição para a cidade do século XXI”

Datas: 24 de junho a 31 de julho de 2021

Horários: todos os dias, das 12h às 20h

Local: Shopping Cidade São Paulo (4º piso, em frente ao Cinemark)

Endereço: Av. Paulista, 1230, Bela Vista, São Paulo - SP

Informações: IVM – 11 95839-7393 (WhatsApp) | Shopping – 3595-1221 ou 11 98695-0124 (WhatsApp)


Exposição bilíngue (português/inglês) | Entrada gratuita | Não é necessário agendamento | Serão adotados protocolos sanitários, conforme definição das entidades do setor de exposições e órgãos de saúde.

Posts Em Destaque
Posts Recentes